#ViaFarmaÉFuncional

Conhecimento que Educa

#SemanaDaAlimentação: O que a alimentação interfere na minha saúde?

Outubro Rosa é a campanha que promove o conhecimento e o alerta sobre o câncer de mama, e como estamos na semana da alimentação, vamos falar sobre a influência da alimentação na saúde.

Resultado de imagem para alimentação no cancer
Sabemos que uma alimentação saudável nos ajuda a prevenir doenças crônicas não transmissíveis como a obesidade, hipertensão, dislipidemias, entre outras.

O câncer é uma doença multifatorial que pode estar relacionada com maus hábitos no dia a dia. Por isso, devemos sempre cuidar e para começar, uma alimentação saudável é essencial.

A presença de alguns compostos bioativos provenientes da alimentação e da suplementação podem ser benéficos atuando como protetores de alguns fatores que podem levar uma maior predisposição ao desenvolvimento do câncer.

Segundo uma pesquisa publicada na Revista Brasileira de Cancerologia, com o título The Role of the Functional Foods on Prevention and Control of the Breast Cancer (O Papel dos Alimentos Funcionais na Prevenção e Controle do Câncer de Mama), realizada pelas pesquisadoras Patricia de Carvalho Padilha e Rosilene de Lima Pinheiro, a quimioprevenção surge como uma opção terapêutica, sendo capaz de prevenir, interromper ou reverter a gênese do câncer.

Os alimentos possuem uma grande colaboração em prol da prevenção do câncer pois, os mesmos são compostos de quimiopreventivos, onde os fitoquímicos presentes atuam potencialmente com mecanismos de ação anticarcinogênicos.

Entre os alimentos que possuem poderes antioxidantes, anti-inflamatórios, anti-hormonais, antiangiogênicos, temos grandes aliados para uma nutrição saudável e que previne contra o câncer:

Frutas Vermelhas: Contêm polifenóis e antioxidantes, como as antocianinas, que retardam o crescimento de células pré-malignas e evitam a formação de novos vasos sanguíneos, que podem alimentar um tumor.

Também são fontes de ácido elágico relacionado em estudos com a diminuição do risco de malignidade de tumores de esôfago e do intestino.

Uva: Os flavonóides, presentes em grandes quantidades na uva, podem retardar o crescimento de células malignas no organismo. Pesquisadores da Universidade de Kentucky descobriram que o extrato da semente da fruta é capaz de destruir as células cancerígenas.

Testes feitos em laboratório apontam que, em 24 horas, 76% das células de leucemia foram mortas quando entraram em contato com a substância, enquanto aquelas saudáveis não sofreram nenhuma alteração.

Romã: Um estudo mostrou que romãs podem ajudar na prevenção do câncer. A análise detectou a interação dos compostos desse fruto com a enzima aromatase, responsável pela produção de estrogênio e fundamental para o combate de células cancerígenas.

Também é fonte de ácido elágico que inibe o crescimento de células tumorais.

Cenoura: O consumo de duas porções por dia reduz o risco de desenvolver a doença em até 17%, segundo estudo da Harvard School of Public Health, nos Estados Unidos.

Brócolis, couve-flor e repolho: Esses alimentos contém sulforano, um componente que vem sendo relacionado com o câncer. Pesquisadores do Centro de Ciências do Texas, A&M Health, concluíram em um estudo que indivíduos que tinham um consumo alto desses alimentos tinham níveis mais elevados de expressão de um gene supressor de tumor (chamado P16), do que aqueles que comiam menos esses vegetais.

Especiarias: Pesquisadores da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, analisaram que diversas especiarias, como pimenta preta e curry, podem atuar na diminuição do aparecimento de células cancerígenas sem danificar as células saudáveis da mama.

Isso acontece por causa do efeito dos polifenóis, antioxidantes que possuem ação anti-inflamatória. Abuse do gengibre e da cúrcuma, são excelentes anti-inflamatórios e antioxidantes.

Veja aqui como ter uma alimentação balanceada

Por isso, dietas baseadas no consumo de frutas, vegetais, grãos integrais e outras plantas atuam na prevenção e controle do acometimento por esta patologia. Um dieta rica em nutrientes e compostos bioativos que são excelentes quimiopreventivos podem fazer parte da sua vida, basta optar sempre por uma alimentação nutritiva e saudável.

Não deixe de fazer a consulta médica e fazer exames periódicos, e lembre-se, todo cuidado é importante. Consulte um profissional habilitado e comece agora mesmo a se beneficiar com uma alimentação saudável!

Veja também:

O que comer no café da manhã?

Por que os paulistanos estão acima do peso?

Você sabe o que é nutrição personalizada?

Como substituir o açúcar dos alimentos

 

 

#ViaFarmaÉFuncional
Fale com a Via Farma

Rua Funchal, 418. 17º andar. Vila Olímpia - São Paulo - SP - CEP: 04551-060